Publicado em: 11/05/2017 10h59 - Atualizado em 17/05/2017 11h12

Indaiatuba sedia Regional do Passo de Arte em junho

Sala Acrísio de Camargo receberá mais de dois mil bailarinos

Fábio Alexandre
RAPHOTO Seletiva acontece na Sala Acrísio de Camargo e reunirá bailarinos de 60 municípios
Mais de dois mil bailarinos, de 60 diferentes municípios, de diversas vertentes da dança, participam da Regional SP do Passo de Arte, entre os dias 1º a 4 de junho, na Sala Acrísio de Camargo, em busca de indicação para o Youth America Grand Prix Brasil (YAGP Brasil), concurso que seleciona candidatos para representar o país no evento em Nova York. Também em disputa estão vagas para o 25º Passo de Arte, evento internacional que ocorre em julho deste ano, também em Indaiatuba. Além do município, outras cidades também sediaram seletivas, como Santos (SP), Fortaleza (CE) e Belo Horizonte (MG).
A avaliação dos participantes do Passo de Arte SP II ficará a cargo do júri composto pelos professores Barbara Rey, de Santa Catarina, Cícero Gomes, do Rio de Janeiro, e Edson Santos e Juliana Garcia, ambos de São Paulo. "Além de ser um estímulo aos jovens bailarinos da região, o Passo de Arte SP II é, para quem gosta de dança, uma vitrine do que está sendo feito na área e uma oportunidade de assistir a diversos gêneros de dança", comenta Marisa Pivetta, diretora do Instituto Passo de Arte e representante do YAGP no Brasil.
Os inscritos do Passo de Arte SP II concorrem a prêmios em dinheiro, ofertados para melhor bailarino, melhor bailarina, melhor grupo e melhor coreógrafo. Acontecem ainda as classificações por gêneros e modalidades.
As edições regionais classificam os participantes por categorias específicas nas quais os trabalhos são agrupados por modalidades e avaliados por uma comissão julgadora qualificada. Paralelo à competição, serão realizadas aulas com professores convidados. As inscrições serão realizadas na secretaria do evento, durante sua realização. A programação completa pode ser conferida em www.passodearte.com.br.
Instituto
Fundado em 1985 pelos publicitários William Romão Costa e Juliano Rubens de Carvalho como Star's Dance, empresa pioneira no estado de São Paulo a atuar na área de produção e fomento da dança, o Instituto Passe de Arte se tornou um das maiores incentivadores de festivais e veículos de informações do setor. Todo know-
how adquirido ao longo das últimas décadas, aliado a mudança da direção, que passou a contar com a experiência da ex-bailarina Marisa Pivetta, deu início a realização de eventos próprios, que se tornaram referência em todo o estado de São Paulo.
Destaque para o MPB Dança - Festival de Dança, com músicas de compositores brasileiros, e o ABC Dança, além da criação de uma cooperativa para a produção dos balés de repertórios O Quebra Nozes, Coppélia e Cinderela, entre outros. Experiências que resultaram na criação do projeto Passo de Arte, que produz competições de dança em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Porto Alegre, Fortaleza Curitiba e Espírito Santo.
O Passo de Arte SP II acontece de 1º a 4 de junho, na Sala Acrísio de Camargo, no Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba, que fica na Avenida Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 3.655, no Jardim Regina. Os ingressos estão à venda na bilheteria do teatro, sempre a partir das 13h, e custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia - estudante com carteirinha, crianças de 6 a 11 anos e pessoas acima de 60 anos - necessário documento para comprovação). Crianças até 5 anos não pagam ingressos. Mais informações pelo telefone (11) 4979-5709.

Espetáculo de Deborah Colker será apresentado na Sala Palma de Ouro, em Salto

Cafi Espetáculo é baseado no poema homônimo de João Cabral de Melo Neto, publicado em 1950
A Sala Palma de Ouro recebe na próxima terça, dia 16, às 20h, o novo espetáculo Cão Sem Plumas, da Cia. de Dança Deborah Colker. A estreia nacional está marcada para junho, mas o trabalho da companhia será apresentado pela primeira vez, com entrada franca, através do Circuito Cultural Paulista e apoio da Prefeitura de Salto, por meio da Secretaria da Cultura. A distribuição dos ingressos ocorrerá uma hora antes do início do espetáculo.
Bailarinos cobertos de lama em um espetáculo que trata da miséria e da destruição da natureza são destaques em Cão Sem Plumas. O poema homônimo, publicado em 1950 e um dos mais importantes da obra de João Cabral de Melo Neto (1920-1999), leva Deborah e seu grupo ao meio da pobreza e da riqueza do estado de Pernambuco, no Nordeste brasileiro. Um ambiente bem distante da Rússia de Tatyana (2011) e da França de Belle (2014), os últimos balés da companhia.
Na criação de Cão Sem Plumas, Deborah conta com a parceria do cineasta pernambucano Cláudio Assis, diretor de filmes como Amarelo Manga, Febre do Rato e Big Jato. Imagens captadas por ele serão projetadas durante o espetáculo - não como pano de fundo, mas como parte fundamental da narrativa.
Trilha sonora
Outros artistas de Pernambuco têm presença decisiva no projeto, como os músicos Jorge dü Peixe, do grupo Nação Zumbi, e Lirinha, responsáveis pela trilha sonora - ao lado de Berna Ceppas, habitual parceiro da coreógrafa - e interpretam trechos do poema. "O espetáculo é pernambucano, mas não é regionalista", ressalta Deborah, que tem como influências Josué de Castro, autor de Geografia da Fome e Homens e Caranguejos, e o cantor e compositor Chico Science (1966-1997), criador do movimento mangue beat.
No balé, aparecem personagens que são fundamentais para este trabalho de Deborah: os homens-caranguejo, pessoas que vivem e trabalham em torno do mangue no estado de Pernambuco. Em seu poema, João Cabral tem como protagonista o Capibaribe, rio que começa no semiárido pernambucano e chega ao Recife. Em quatro partes, acompanha a sujeira das águas, a miséria da população ribeirinha, a desigualdade social, mas também a capacidade que homens e rio têm de se manter vivos, espessos - adjetivo muito usado pelo autor. A expressão "cão sem plumas" diz respeito ao rio e aos homens que dependem dele.

Cão Sem Plumas
Pré-Estreia
Data: 16 de maio
Horário: 20h
Local: Sala da Palma de Ouro
Endereço: Rua Prudente de Moraes, 508, Salto
Entrada franca
Classificação livre
Duração: 1h10 minutos
Informação: (11) 4602-8693

PROGRAMAÇÃO

1º de junho - 13h
Pas de Deux
Grand Pas de Deux
Variações de Repertório
1º de junho - 19h
Solos, Duos e Trios Clássicos
2 de junho - 13h
Solos, Duos e Trios Livres
3 de junho - 15h
Conjuntos de Jazz
Conjuntos de Repertório
Conjuntos Contemporâneos
Conjuntos de Danças Urbanas
4 de junho - 15h
Conjuntos de Danças Populares
Conjuntos de Clássico
Conjuntos de Estilo Livre
Conjuntos de Sapateado

Veja Também:

Comentar


Mais lidas
Filmes em cartaz
  • ALIEN: COVENANT
  • O DIA DO ATENTADO
  • NINGUÉM ENTRA, NINGUÉM SAI
  • A AUTÓPSIA
  • GUARDIÕES DA GALÁXIA VOL. 2
  • VELOZES E FURIOSOS 8
  • A CABANA