Login |

HomeNotíciasPolícia › Força Tática prende três homens por roubo
Força Tática prende três homens por roubo
Família do Jardim Primavera foi surpreendida no portão da residência
Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Atualizado em 13/08/2012 às 16h07Publicado em 10/08/2012 às 18h56Manoel Miranda - redacao@tribunadeindaia.com.br
Três acusados de roubo residem no Conjunto Habitacional Lúcio Artoni, no Jardim Eldorado
Ana PolastriTrês acusados de roubo residem no Conjunto Habitacional Lúcio Artoni, no Jardim Eldorado
Policiais da Força Tática da 4ª Companhia da Polícia Militar prenderam em flagrante três homens por roubo a uma residência no Jardim Primavera, na noite de terça-feira, dia 7. Além de eletrodomésticos e eletrônicos, os indivíduos levaram o carro da família.

Os ajudantes Gleycione Rodrigues Mariano, 22 anos; e Fernando Henrique da Silva, 21 anos; além do desempregado Vitor Renato Marcussi, de 18 anos, moradores no Conjunto Habitacional Lúcio Artoni, no Jardim Eldorado, foram localizados na tarde de quarta-feira, dia 8.

O assalto aconteceu por volta das 21h30 de terça-feira, dia 7, quando um jovem estudante de 27 anos, juntamente com sua mãe, uma dona de casa, de 58 anos, e um gerente de 39 anos, estavam conversando no portão da residência, localizada no Jardim Primavera. Dois homens armados surgiram anunciando o assalto.

As três vítimas foram obrigadas a entrar na residência e permaneceram em um dos cômodos da casa, sob vigia de um dos assaltantes, enquanto o outro, procurava objetos de valor.

Os moradores foram coagidos a levar os bens para a sala da casa e, em seguida, foram trancados em um dos dormitórios, onde permaneceram até outros familiares chegarem.

Foram levados eletrodomésticos, aparelhos de informática e telefones celulares. Os bens foram colocados no carro da família, um Renault Clio preto, que também foi levado.

Encontrados
O veículo roubado foi abandonado na Estrada do Badin, próximo ao CHDU do Jardim Eldorado, onde foi encontrado pelo Grupo de Apoio Preventivo (GAP). A partir da localização do veículo é que foi possível ação da Força Tática.

Os policiais tinham conhecimento de que no CDHU residiam integrantes de uma quadrilha conhecidos como “Vitão” e “Nego”. O primeiro a ser encontrado foi o ajudante Gleycione Rodrigues Mariano, que confessou o roubo à residência juntamente com Fernando Henrique da Silva, vulgo Nego, e de Vitor Renato Marcussi, o Vitão, utilizando-se de uma moto.

Ao serem questionados onde estavam escondidos os produtos roubados, eles afirmaram estarem em poder de Cleiton dos Santos Francelino, 24 anos, o quarto integrante da quadrilha. Morador no Jardim Califórnia, ele não foi encontrado pela polícia. As armas utilizadas no roubo e os objetos também não foram localizados.

Segundo os assaltantes, a sogra do acusado Cleiton, conhecida por “Soninha”, é quem teria transportado as armas de fogo usadas por Vitor e Cleiton, por meio de um Fiat prata, que não foi localizado pela PM.

O trio foi autuado em flagrante pela prática do roubo à mão armada, com o agravante de ter sido praticado por duas ou mais pessoas.
Compartilhe:
Tamanho do texto: AAAAAA
Comentários (0)